Dados de 16 milhões de pacientes de covid-19 foram expostos

27/11/2020 Por Ômar Abdel Off

O colaborador havia arquivado informações de acesso a determinados sistemas sem a proteção adequada

O Hospital Albert Einstein comunicou nesta quinta-feira, 26, a demissão do funcionário responsável pelo vazamento das senhas de sistemas federais que violou a privacidade de ao menos 16 milhões de pacientes com diagnóstico suspeito ou confirmado de covid-19. O caso foi revelado pelo Estadão.

Veja a matéria completa em https://www.terra.com.br/vida-e-estilo/saude/einstein-demite-funcionario-que-vazou-senhas-da-saude,8758d1fc954a63f8c73c1d20574ec5bap5b9gm6i.html